INÍCIO CONTATO FACEBOOK TWITTER INSTAGRAM

segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Após primeira denúncia, Queiroz se escondeu em favela do Rio dominada pela milícia

Foto: Agência Brasil
De acordo com a coluna de Lauro Jardim, ex-assessor de Flávio Bolsonaro se abrigou em uma casa na favela de Rio das Pedras, na Zona Oeste do Rio, dominada pela milícia mais antiga da cidade

A coluna de Lauro Jardim, de O Globo, informou nesta segunda-feira (21) que o ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz, se escondeu em uma casa na favela de Rio das Pedras, na Zona Oeste do Rio. Trata-se da segunda maior favela da cidade e totalmente dominada pela milícia mais antiga da cidade.

De acordo com a coluna, em 7 de dezembro de 2018, um dia depois de Fabio Serapião, repórter de O Estado de S.Paulo, ter divulgado que Queiroz havia movimentado, de forma “atípica”, R$ 1,2 milhão (na realidade, depois veiculou-se que eram R$ 7 milhões) entre 2016 e 2017, o ex-assessor do filho do presidente desapareceu.

Somente no dia 20 de dezembro, Queiroz foi para São Paulo, com o objetivo de se internar no Hospital Albert Einstein, para tratar de câncer.
Foi justamente nessas duas semanas que separaram ambos eventos que Queiroz se abrigou em território dominado pela milícia no Rio.