quarta-feira, 7 de agosto de 2019

Governadora recebe representantes do evento Marcha para Jesus no Rio Grande do Norte

Fotos: Demis Roussos
A governadora Fátima Bezerra recebeu em audiência na tarde desta quarta-feira (7) os organizadores do evento Marcha para Jesus no Rio Grande do Norte. Inicialmente o grupo apresentou os motivos para realizar o evento que está previsto para acontecer no dia 5 de outubro, em Natal.
O deputado estadual Albert Dickson destacou a importância de resgatar a marcha, que há três anos não acontece mais no Rio Grande do Norte, e que o evento tem uma função que vai além do louvor, tem um caráter social. “Muito mais do que congregar a comunidade evangélica em adoração a Jesus, a marcha também realiza uma campanha de arrecadação de alimentos que serão doados posteriormente a famílias carentes de Natal”, disse.
Após apresentação do cantor gospel Miqueias, a governadora Fátima Bezerra recebeu de presente uma bíblia e uma camiseta do evento. Os organizadores também solicitaram apoio institucional do governo e convidaram a governadora para participar do evento.

Com uma mensagem bíblica, a governadora Fátima Bezerra agradeceu a presença de todos e ressaltou a atuação do deputado Albert Dickson como forte liderança do segmento evangélico. Fátima também confirmou o apoio institucional pedido pelos pastores.
“Estamos dialogando com a organização para definir como será dado esse apoio. Além disso, o governo também vai assegurar estrutura de segurança e atendimento em saúde, para garantir que esse evento seja realizado da forma mais tranquila possível. Porque o que estamos precisando no mundo é de mais amor ao próximo, mais solidariedade e mais justiça social”, afirmou a governadora e concluiu: “Quero estar presente no dia da marcha, para louvar junto com vocês”.
O evento está previsto para acontecer no dia 5 de outubro. A expectativa é reunir 20 mil pessoas de 80 denominações protestantes do estado.  A Marcha deve contar com atrações locais e nacionais, como bandas e cantores gospel, em trios elétricos.
Estiveram presentes na audiência o vice-governador Antenor Roberto, a adjunta do Gabinete Civil Samanda Alves, além de pastores e representantes de diversas igrejas evangélicas.